Acompanhe aqui as noticias mais significativas sobre badminton

Leia tudo numa só página, as "noticias" e os "cartoons". Participe...enviando-nos noticias de badminton da sua Região, Clube ou Associação, que estas serão publicadas para uma maior divulgação da modalidade. e-mail : linha.boto@gmail.com

Há notícias que só no maior jornal de badminton
de Portugal se podem ler....


Última Hora

...

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

ESPANHOLA CAROLINA MARIN É OURO EM SINGULARES SENHORAS

Carolina Marin fez mais uma vez história para o seu pais e hoje também para o Velho Continente. A Espanhola de apenas 23 anos tornou-se hoje a primeira não asiática a conquistar o Ouro em Olimpíadas desde 1992, ano em que a modalidade se tornou Olímpica. Depois de se sagrar bi-campeã mundial, Carolina Marin não desperdiçou esta tarde a oportunidade de mostrar que é uma verdadeira "máquina", e nada é impossível. 
A Andaluza ainda perdeu o 1º set diante da Indiana Sindhu V., por 19-21, mas deu depois uma resposta cabal do seu real valor técnico, táctico e mental ao vencer os dois sets seguintes por 21-12/21-15. Shindu V., acabou por ser medalha de Prata, uma medalha também merecida pela prova que realizou no Rio de Janeiro. A Medalha de Bronze foi entregue à Japonesa Nozomi Hokuara por desistência da Chinesa Xuerui Li, campeã olímpica em Londres'2012. 
Realizou-se também hoje a final de pares homens, com a primeira vitória Chinesa em 4 finais já disputadas. Haifeng Fu que já tinha sido campeão em Londres'2012 e o seu novo parceiro Nan Zhang foram Ouro depois de vencerem na final os Malaios Shem V Goh/Kiong Wee Tan em mais uma super final (16-21/21-11/23-21). A medalha de Bronze tinha sido ontem conquistada pelos Ingleses Marcus Ellis/Chris Langridge.
Uma referencia ainda para a ultima final olímpica 2016, a ter lugar amanhã entre o Malaio nº1 do Mundo Chong Wei Lee e o Chinês Long Chen. Chong Wei Lee venceu o seu eterno rival e bi-campeão olímpico Lin Dan num dos mais espectaculares jogos destas olimpíadas. Na outra 1/2 final o Chinês Long Chen acabou por ter uma vitória mais fácil do que o esperado diante do Dinamarquês Viktor Axelssen. 

Sem comentários: